Português (Brasil)

Torcedores espanhóis são condenados a 8 meses de prisão por insultos racistas contra Vini Jr

Torcedores espanhóis são condenados a 8 meses de prisão por insultos racistas contra Vini Jr

Os três torcedores do Valencia terão também de ficar 2 anos sem entrar em estádios de futebol

Compartilhe este conteúdo:

Porto Velho, RO - Três torcedores do Valencia, time da primeira divisão de futebol da Espanha, foram condenados nesta segunda-feira 10 por proferirem insultos racistas contra Vinicius Jr., jogador do Real Madrid. As ofensas contra o brasileiro foram proferidas em maio do ano passado, no estádio Mestalla.

De acordo com a decisão da Justiça espanhola, os três torcedores terão de ficar ao menos 2 anos sem entrar em estádios de futebol e terão de cumprir 8 meses de prisão. O trio terá, ainda, de pagar as custas do processo judicial.

A sentença desta segunda-feira foi proferida após uma denúncia aberta por Vini. O jogador revelou ter sido alvo de insultos racistas durante uma partida do Real Madrid contra o Valencia em 21 de maio do ano passado. Naquela ocasião, a partida chegou a ser interrompida pelo árbitro após as ofensas.

Os três condenados pela Justiça pediram desculpas ao jogador brasileiro antes da leitura da sentença.

A decisão proferida nesta segunda foi celebrada por Javier Tebas, presidente da LaLiga, a primeira divisão da Espanha. Vini ainda não comentou.

Fonte: Carta Capital

Compartilhe este conteúdo: